top of page

Clique na imagem e leia!
NOVA COLETÂNEA

Capa: Adriana Pereira Kury

Coletânea de escrita de mulheres - Oficina 2023

Esta é uma apresentação-questionamento.
Talvez você encontre algumas respostas aqui nessa linda coletânea escrita por mulheres que amam, talvez não. O que importa é a busca e para onde vamos para buscar. 

Estudar o amor pode parecer algo frio, distante do sentimento que nos aquece. Mas é necessário aprender novos amores. Novas visões e novas histórias sobre amar. Descentralizar o amor, deslocá-lo, para traçar novos caminhos, se assim desejarmos.

Como (re)entender e (re)inventar o amor? Qual amor? Quantos amores?

De onde vem esse sentir que pode ter tantos significados? O amor tem limites? Por que amamos?

O amor é local. Teu amor é ocidental?

Quem ama quem? Quem pode amar? Quem é amada(o)?

Quem define o amor? Quem faz as regras do amor? 

Pra onde vai o teu amor? Pra quem tu direciona o teu amor? 

Qual é a cultura do teu amor? Quem conta as histórias de amor?

O amor pode ser cura e acidente. O não é amor é fatal.

Ouvir e ler vozes de amor para ampliar o amor, pois quem constrói o amor somos nós. 
Nós Coletivo. Não indivíduo. 

Continue amando e boa leitura. 

Bruna Modelo e Camila Alexandrini
Oficineiras e Organizadoras 
 

bottom of page